Menu Filtro

Integração Corpo e Mente

“Há muitas centenas de anos atrás, um famoso músico foi preso por participar de um levante nacional . Depois de 8 anos de solitária, após 4 semanas solto, ele se apresentou como nunca tinha feito antes.

Ao perguntarem a ele como era possível, ele respondeu que havia praticado diligentemente todos os dias, para este concerto, durante horas, pois mesmo que tenham tirado tudo dele, deixaram sua mente e seus sentidos.

O uso de técnicas de visualização para aperfeiçoar uma atuação e desenvolver resoluções interiores não é algo novo, como mostra essa história .

Hoje em dia, a visualização penetrou na arena de esportes e exercícios, onde atletas sofisticados treinam a mente e o corpo de modo sincronizado, não permitindo que o resultado de sua atuação seja determinado pelo acaso”. ( Livro: O tao da Boa Forma Interior) 

Talvez alguns de vocês não entendam porque falo tanto de treinamento mental.

Talvez outros queiram saber se de fato tenho autoridade pra falar e ensinar sobre esse assunto.

Então resolvi contar bem resumidamente de onde vem tudo isso.

Antes de completar 3 anos de idade, comecei a apresentar crises convulsivas. Ninguém soube o que ocasional tal quadro. As crises começaram a aumentar e se tornaram mais constantes e raras com casos de ausência e ainda crises de pequeno mal. Tudo isso associado à hiperatividade.

Meus pais procuraram vários médicos que sempre diziam que não haveria cura. 

Até que  minha mãe descobriu o Centro de Reabilitação Nossa Senhora da Gloria, no Humaitá e após a primeira consulta o médico de lá disse: Nós temos um método e acreditamos nele. O resultado dependerá mais da senhora e da ajuda  do restante da família do que de nós .

Então minha mãe tomou a frente, sempre com a ajuda do meu pai e das minhas irmãs e com um treinamento intenso de cerca de 8 horas por dia, sendo de manhã, atividades físicas e à noite, atividades cognitivas, treinando o cérebro de todas as formas possíveis, e aos 6 anos de idade corri a Primeira Corrida Feminina da América do Sul. Um percurso de 5 km que completei em 26 minutos!

Aos 7 anos tive alta e nunca mais apresentei nenhuma crise convulsiva nem qualquer outro quadro semelhante, e passei a levar uma vida super normal, inclusive sem tomar remédios , que era uma filosofia muito forte nessa metodologia de trabalho usada no meu tratamento.

Na adolescência comecei a perceber alguns mecanismos de autossabotagem e aumentei a minha busca por conhecimento nas áreas de reprogramação mental e meditação.

Me tornei atleta e tive resultados expressivos tanto nacionais como internacionais! 

Aos 20 anos de idade, descobri o Reiki e isso foi um divisor de águas que me trouxe muito conhecimento, principalmente, como relacionar os desequilíbrios físicos com os desequilíbrios emocionais, curando pequenos desconfortos diários, sem nenhum tipo de remédio.

Hoje, como profissional de educação física, meu método de trabalho reflete toda essa vivência de uma vida inteira treinando meu corpo e minha mente e há cerca de 20 anos, tendo excelentes resultados passando esse conhecimento para os meus alunos também.

Nesse período de quarentena percebi que deveria ajudar mais pessoas a aprenderem a lidar com suas emoções, integrando corpo e mente. Foi aí que surgiu a ideia de criar o Método IntegrAÇÃO. 

O método IntegrAÇÃO permite que o aluno tenha não só um acompanhamento por planilhas de treino, mas também todo um acompanhamento de como treinar a mente, como aliar ao treinamento físico. Práticas como: treinamento mental, musicoterapia, meditação, yoga e Reiki para ter um maior controle emocional e também melhorar consideravelmente os resultados esportivos e/ou de condicionamento físico.

Através do Método IntegrAÇÃO, cada aluno, seguindo direitinho os exercícios propostos, conseguirá melhorar de 20 a 30% dos seus resultados num plano de 90 dias! E conseguirá aplicar todo o conteúdo, nas demais áreas da vida.  

O aluno aprende também a conhecer o seu próprio ritmo, a determinar um pace e colocar nas provas exatamente o pace que estipulou.

Vai reduzir drástica ou até definitivamente as “baixas” nos treinos por conta de desequilíbrios emocionais e ainda o uso de remédios desnecessários no dias a dia ( tipo: dor de cabeça, dor de estômago, enfim, esses desequilíbrios que não são graves, mas que fazem algumas pessoas se automedicarem diariamente), já acordando com uma motivação incrível todos os dias! 

Saiba mais aqui. 

Sigam minha página no Instagram: @liliagodoiae e entendam um pouco mais de como aplico todas essas técnicas no dia a dia. 

E se você está muito bem em todas as áreas da sua vida, também pode ser pra você. É como eu sempre falo: Nada é tão bom que não possa ser melhorado.

Bora Integrar ! #integraçãocorpoemente

There are no responses so far.

Lilia Godoi

Lilia Godoi

Lilia Godoi é treinadora, diretora e proprietária da Lilia Godoi Assessoria Esportiva. Formada em Educação Física pela UFRJ e Pós Graduada em Treinamento Esportivo, é representante do Projeto Empresto Minhas Pernas no Rio de Janeiro e em Niterói, mestre de Reiki e atleta de várias modalidades esportivas com resultados nacionais e internacionais.

Patrocínio

Apoio