Menu Filtro

Roupas de compressão ajudam na recuperação muscular após o exercício?

Sim! As roupas de compressão aumentam a recuperação muscular após exercício de resistência. É o que mostra o estudo japonês de Kazushige et al publicado recentemente no American College of Sports Medicine mostrando que usar a roupa de compressão após uma sessão de exercício de resistência facilita a recuperação da força muscular. Essa recuperação foi especialmente observada nos membros superiores dos atletas com significativo aumento da recuperação com 3 a 8 horas de uso da roupa após o exercício. O interessante é que a melhora da recuperação nos membros inferiores só ocorreu nos atletas que fizeram uso prolongado das calças de compressão…

O que traz importante reflexão é: será que dormir com roupas de compressão podem melhorar a recuperação muscular após a musculação? Será que elas podem ajudar também no ganho muscular ou no emagrecimento? Isso seria fantástico e, provavelmente, essas hipóteses devem ter sido levantadas pelos pesquisadores. Claro que mais estudos precisam ser feitos mas acho estamos em um bom caminho, não é mesmo?

Publicação do Dr. Guilherme Renke, parceiro do CamelBak Training Club.

Médico pela Universidade Estácio de Sá (RJ), Pós Graduado em Cardiologia pelo Instituto Nacional de Cardiologia do Rio de Janeiro (INCL), Pós Graduado em Tratamento e Prevenção de Doenças Relacionadas à idade pela Faculdade Ingá. Aprimoramento pela Harvard Medical School – Post Graduate Obesity Medicine (Boston, EUA) e pelo American Board of Obesity Medicine (EUA). Pesquisador aprovado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro – FAPERJ (Inovações no esporte 2012). Pós Graduando em Endocrinologia e Metabologia pelo Instituto de Pós Graduação Médica (IPEMED) com experiência em pesquisa clínica e laboratorial nas áreas de Andropausa/Hipogonadismo, realizando palestras em diversos eventos científicos da área. Saiba mais em seu site.
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

There are no responses so far.

Dr. Guilherme Renke

Parceiros

Apoio